Você está em: Home > Saúde e Qualidade de Vida > Gripe e Resfriado

Gripe e Resfriado

gripe

É comum ouvirmos falar, principalmente dos mais velhos, para evitar o frio, sair no sereno ou tomar vento para não pegarmos gripe. Também é comum associarmos à gripe qualquer espirro com mal-estar. Acontece que por ser uma doença viral, se não houver o vírus no ambiente, o frio não acarreta na doença. Outro engano comum é confundir a gripe com o resfriado por terem sintomas parecidos.

O resfriado dura cerca de 4 dias e é causado por mais de 200 tipos de vírus que atingem o trato respiratório superior(nariz, cavidade nasal, faringe, laringe e parte superior da traquéia) causando nariz obstruído, secreção nasal, tosse, dor de garganta, leve mal-estar e febre leve em raros e rápidos momentos.

A gripe apresenta esses mesmo sintomas mas de uma forma muito mais intensa pois também ataca toda a traqueia, os brônquios e os pulmões. A febre constante fica em torno de 38,5º com picos de até 40º, as dores no corpo são tão intensas que impedem que a pessoa exerça suas atividades e dura aproximadamente 7 dias. Além disso pode desencadear doenças mais sérias como pneumonia e levar até mesmo à morte.

A gripe é causada por um tipo específico de vírus, o Influenza, que se modifica constantemente, seja por mutação ou por recombinação genética. No primeiro caso os novos vírus surgem de forma natural geneticamente diferentes dos anteriores, no segundo há troca de informação genética entre dois tipos diferentes formando um vírus totalmente novo. Por serem diferentes dos vírus que já tivemos contato, nos dois tipos nosso sistema imunológico não tem uma doença produzida.

Uma curiosidade sobre o vírus influenza é sobre o surgimento do seu nome. Há muitos anos, na região que hoje forma a Itália as pessoas perceberam que com a chegada do frio a ocorrência da doença aumentava consideravelmente. Como não havia um total conhecimento sobre a gripe, os italianos diziam que era a “influenza di freddo”, ou seja, influência do frio.

Hoje sabe-se que a contaminação não é causada diretamente pelo frio. O que ocorre são as aglomerações de pessoas e consequentemente do vírus em ambientes fechados durante as baixas temperaturas. O ar contaminado com partículas de saliva e pelo espirro, além do contato com pessoas contaminadas e o uso compartilhado de objetos são as verdadeiras causa do contágio. Portanto para evitar a doença é recomendado que se evitem ambientes fechados, compartilhar objetos e lavar as mão após espirrar ou tossir.

O tratamento das duas é parecido: repouso, medicação e procurar ajuda médica especialmente se for gripe, usar um descongestionante nasal para aliviar o desconforto e manter-se hidratado para umedecer as secreções e eliminar a coriza mais rapidamente. Além disso há vacina disponibilizada gratuitamente para crianças entre seis meses e cinco anos, gestantes e mulheres no período pós-parto (45 dias), pessoas com doenças crônicas, idosos, profissionais da saúde, presos e indígenas. Vale destacar que os medicamentos que tratam os sintomas da gripe e do resfriado, facilmente comprados nas farmácias não curam essas doenças por serem causadas por vírus.

Não existem exames para diferenciar a gripe do resfriado. O diagnóstico é baseado na intensidade dos sintomas e na duração dos mesmos.

Tags: , ,

Leave a Reply

Copyright © 2017 Diferença Entre. Alguns direitos reservados.
Avenida Paulista, 742 - São Paulo / SP - CEP 01310-000.