Você está em: Home > Negócios > Manipulação e Persuasão

Manipulação e Persuasão

Manipulação e persuasão são métodos de convencimento que podem ser utilizados para mudar a idéia das pessoas ou até mesmo fazerem elas adquirirem algum produto ou serviço. Entretanto, há diferenças entre manipulação e persuasão.

A persuasão convence através de demonstração de provas concretas, ou seja, de alguns fatos verdadeiros que tragam alguma positividade e possa beneficiar a pessoa.

No caso da manipulação, a tentativa de convencimento não é muito ética já que são utilizadas artimanhas que envolvem a omissão de informações e muitas vezes a chantagem emocional para conseguir o que se quer.

Conceito da Persuasão

Persuadir, convencer, nesse caso não significa obrigar uma pessoa a entender ou até mesmo comprar algo, ou seja, o convencimento não tem nada a ver com ” empurrar” algo a alguém.

Na persuasão são utilizados bons argumentos, aqueles que de alguma forma possuem uma lógica. Desse modo, fica muito mais fácil a pessoa tomar uma decisão.

Muitos vendedores experientes utilizam as técnicas de persuasão para trabalhar a mente do seu cliente com o objetivo de que ele tome uma decisão voluntária. Levar uma pessoa a fazer o que você quer através da persuasão é um método mais honesto, pois são usados argumentos baseados em fatos reais.

Por isso, é fato dizer que uma pessoa persuasiva possui inúmeras vantagens frente ao mercado profissional e também pessoal, pois ela é capaz de encantar as pessoas ao seu redor porque sabe identificar as necessidades dos outros, por isso, consegue convencê-las rapidamente no encontro de soluções.

A persuasão possui as seguintes características:

  • Propõe outra abordagem mais original;
  • Apresentação de fatos verídicos para convencer;
  • Emprega argumentos legítimos;
  • Identifica problemas, conquista empatia e mostra soluções;
  • Utiliza técnicas de gatilhos mentais;

Conceito da manipulação

Convencer através da manipulação é levar as pessoas a ceder a sua vontade através de formas nada ortodoxas. O manipulador insinua e para ele pouco importa como vai conseguir os resultados, ou seja, não se atêm com a ética e nem com a veracidade dos fatos.

A manipulação usa a emoção das pessoas, enquanto que a persuasão usa fatos reais. Por isso, é muito comum alguns vendedores usar a manipulação para convencer uma pessoa de comprar um produto, a manipulação é baseada em algo menos concreto que são os sentimentos, difíceis de definir. Por isso, geralmente, uma pessoa compra com a emoção e pode ser enganada pelas mentiras sobre o produto.

Algumas características da manipulação:

  • Mentir sobre um determinado assunto, produto ou serviço;
  • Omitir informações;
  • Inventar benefícios que não existem para forçar uma pessoa a mudar de opinião;
  • Falsificação da realidade;

Manipulação e Persuasão

É importante saber diferenciar a manipulação da persuasão no processo de convencimento. Desse modo, é possível compreender como funciona a mente das pessoas na hora de tomar alguma decisão.

A persuasão é uma das habilidades mais reconhecidas em profissionais de venda, por isso, as empresas valorizam muito argumentações que venham dessa técnica já que elas são mais honestas, possuem mais aceitação e ampliam as chances de fechar bons negócios.

Digamos que as técnicas de persuasão são as grandes responsáveis pela venda de muitos produtos e serviços, além da mudança de hábitos da população. Um grande exemplo disso são as ações de conscientização para boa alimentação, economia de água, reciclagem, entre outros.

Resumindo, a pessoa que usar a persuasão para vender, certamente escolheu algo que realmente confia e acredita ser um grande diferencial para o negócio do cliente, ou seja, é uma solução para o problema.

A pessoa que usa a persuasão pode fazer com que o interlocutor simpatize com a sua idéia e de forma voluntária pode mudar a sua decisão.  Por isso, ser uma pessoa persuasiva é algo positivo, pois não são utilizadas mentiras e fatos distorcidos para mudar a opinião e tentar convencer pessoas.

Muito diferente do manipulador, que pensa nos benefícios próprios para o fechamento de um negócio, ele não está interessado em oferecer vantagens reais aos clientes, mas sim enganar com mentiras e histórias inviesadas.

 

Termos de busca comuns:

diferença entre comunicaçao persuasiva e dialogica, a diferença entre demonstração e persuasão, diferença entre manipulação e persuasão

Leave a Reply

Copyright © 2018 Diferença Entre. Alguns direitos reservados.
Avenida Paulista, 742 - São Paulo / SP - CEP 01310-000.